Mensagens de Um Ano de Falecimento

Encontradas 300 mensagens de conforto:

Esta dor seguirá sempre comigo. Hoje faz 1 ano desde que meu filho partiu, mas sei bem, que o tempo não importa, pois nada irá acabar com esta dor no meu peito.

Meu filho era a razão da minha alegria e quando ele partiu, perdi os motivos para sorrir. Encontro forças na fé que é tudo que posso fazer.

Guardo nossas lembranças e o meu amor que nunca se extinguirá. Meu filho, não importa quanto tempo passe, nunca esquecerei de você!
Um ano após perder minha filha, ainda há feridas por curar. São as consequências naturais de quem vivia para amar essa luz da minha vida e a viu partir de uma forma trágica e inesperada.

Tem sido duro aceitar a ideia de que ela não estará mais presente, que agora não posso sentir seu abraço e dizer o quanto ela é importante para mim. Ninguém imagina o que custa para um pai ou uma mãe perder um filho. É o sentimento mais doloroso do universo, uma enorme sensação de impotência e revolta.

Ela tinha um dom muito especial, independentemente de como se sentisse, fazia de tudo para deixar um sorriso em quem estava à sua volta. E encantava sempre com sua simplicidade e sua forma pura de transmitir seus sentimentos. Apesar de ser suspeita para falar, digo com toda certeza que era uma pessoa de valor incalculável.

Nunca mais serei quem eu era, tenho plena consciência disso, pois uma perda como a que sofri deixa marcas eternas no coração. Há dias em que tento erguer a cabeça, há outros em que simplesmente não consigo. Sentirei a falta da minha filha para todo sempre.
Faz hoje precisamente um ano que você partiu, avozinha. Todos nos reunimos nessa ocasião para um emocionado e merecido adeus. As lágrimas expressaram não só a tristeza da despedida, mas também o agradecimento por tudo que nos ofereceu enquanto viveu. E foi muito, foi tudo que precisávamos para sermos felizes.

Tem sido mais difícil que aquilo que eu imaginava não ter sua presença na minha vida. Ninguém me consegue dar aquele carinho doce, as histórias emocionantes e os ensinos sempre sábios que você me dava. Às vezes, fico sorrindo ao recordar belos momentos que vivemos e ao refletir sobre o amor lindo que nos uniu.

Estes doze meses que passaram têm sido pautados pela imensa saudade que sinto de você. É inegável que meu mundo ficou mais pobre com sua partida. Foi um verdadeiro orgulho ter uma avó tão especial quanto você foi para mim.
Um ano, filho querido. Hoje completa um ano que nos despedimos de uma forma inadequada. É injusto que nosso adeus tenha sido dito sem palavras, verbalizado apenas com lágrimas e acontecido com a sombra da morte como contexto.

Os dias têm sido longos desde que você partiu. Sem a luz da sua presença, fica difícil sentir verdadeira alegria porque todos os momentos parecem inacabados, todos os acontecimentos parecem incompletos e essa sensação de vazio se estende por longas horas, desde o raiar do sol até entrar pela noite dentro.

Às vezes, nem sei como agir para aliviar esta dor. Por um lado, fico lembrando tudo que vivemos, remexendo nossas lembranças de forma incansável, pois isso me dá a percepção que nem tudo se perdeu. Mas por outro, fazer isso me esgota emocionalmente, pois no fundo sei que esse hábito apenas serve para adiar o inevitável.

Nenhum pai está preparado para perder seu filho. É uma tragédia que nos atiram para as mãos e que sentimos como se ela fosse uma chama nos queimando. Apesar disso, continuarei tentando erguer a cabeça e lutar contra estes fantasmas, pois sei que era isso que você mais queria.
 
Mesmo com poucas forças, prometo que não vou desistir, meu filho. Talvez o amor que construímos se revele minha fortaleza e me ampare, me console, me segure sempre que a aflição parecer grande demais para ser suportada.
Todos os dias penso em você. E já é assim meu dia a dia desde há um ano. Irmã, que seu novo lar seja de paz e amor e nada de bom lhe falte. Descanse na eternidade do bem e até um dia.

Esteja onde estiver, se puder me ver, eu sei que está se sentindo orgulhosa do que tenho feito. Não tem sido propriamente fácil lidar com sua ausência, mas tenho me esforçado dia após dia, noite após noite.
Eu sempre soube que minha mãe era a melhor pessoa que algum dia tive o privilégio de conhecer. Nunca desconfiei da sua palavra, da sua integridade. Passou um ano que ela se foi e minha admiração tem crescido a cada dia que nasce.

Nem sei bem como lhe agradecer, mas gostaria que ela soubesse que a amo e que todos os dias penso nas coisas lindas e maravilhosas que passamos lado a lado. Se ela puder me ver, adoraria que se sentisse orgulhosa de mim.

Tento ser a melhor pessoa, um ser humano de princípios e valores como ela me ensinou. Todos os dias choro, mas não é por estar triste; todos os dias choro porque a saudade é forte demais. Descanse em paz, mamãe.
Minha irmã é minha vida. Por ela faço tudo, mesmo com mundos nos separando. Mana, passou um ano desde o dia da sua última despedida. Parece que foi ontem. Sinto tanto sua falta!

Sempre pensei que o tempo iria acalmar este vazio que sinto, mas até agora não. Eu tenho vontade de voltar no tempo para falar todas as coisas que não lhe falei. Queria tanto abraçar você novamente!

É muito difícil ficar longe de quem amamos. E você sabe que mesmo com todas as nossas brigas e diferenças nos preservamos o lindo sentimento que nos une desde sempre. É isso que pretendo continuar a fazer: preservar nosso amor.

Honrarei seu nome eternamente.
Descanse em paz, irmã.
Nunca irei superar a morte da minha amiga querida. Hoje faz exatamente 1 ano que ela se foi, mas ainda não consegui dizer adeus.

A verdade é que ainda não aceitei que ela partiu. Agarro-me nas lembranças, nos momentos que compartilhamos porque é uma forma de mantê-la mais perto.

É difícil perder uma pessoa tão especial. Nossa amizade segue viva e eu nunca deixarei que nossa ligação desapareça.

Amo você, amiga, hoje e sempre!
Quando você partiu perdi muito mais do que minha tia; perdi uma amiga, um exemplo. Faz exatamente 1 ano que me despedi e ainda não sei lidar com a falta que sinto.

Ficou apenas um vazio no meu peito e as memórias no coração. Levo você comigo nestas lembranças que guardo com muito carinho.
Meu amor por você é infinito, tia, e eu nunca  esquecerei da mulher incrível que você foi.

Tenho muita saudade!
Uma avó é uma segunda mãe, pelo menos a minha é, aliás, foi, porque ela partiu há exatamente um ano. Quero acreditar que ela está em um lugar confortável, leve, sereno. Descanse em paz, vovó!

Não tem sido fácil conviver com a sua ausência, com a falta que tenho de um abraço, de um beijo, de uma palavra sábia e doce. Foram doze meses complicados, mas acho que começo a ver as coisas de outra forma.

É claro que não consigo lidar com seu desaparecimento de uma forma agradável, mas tentarei aceitar os desígnios da vida e da morte sem mágoa. E isso já é muito positivo.

Prometo, por mim e também pela minha querida avó, lutar pela minha felicidade, fazer o que puder para regressar à minha estrada. Quem sabe um dia, até nos reencontramos. Até essa data irei orar pela sua alma todos os dias, vovó.
Eu irei sempre pensar na minha filha, na minha querida e amada filha que há um ano se foi cedo demais. Quem me dera que ela estivesse aqui ao meu lado; que nunca tivesse partido nem por um só segundo.

Sei que as lágrimas jamais irão secar do meu rosto, mas também que as memórias nunca irão desvanecer do meu pensamento. Descanse em paz, minha filha.
Meu tio partiu há 1 ano e por mais que faça tempo, ainda sinto muita saudade. Ele foi um grande exemplo para mim. Aprendi muito com ele e ainda levo seus conselhos comigo.

Ele me ensinou a ser uma pessoa verdadeira, como ele sempre foi. Ensinou-me tudo na vida melhora com um sorriso e que devemos sempre manter o bom humor.

Nunca esquecerei do meu tio e do que ele significa para mim.

Ele foi um grande homem e sempre terei um lugar para ele no meu coração.
Minha tia foi uma mulher incrível, forte, batalhadora e é muito difícil viver sem ela há 1 ano. Quando ela partiu, me pegou de surpresa e foi muito difícil encontrar forças para dizer adeus.

Hoje, guardo nossas lembranças com muito carinho porque vivemos momentos muito especiais. Guardo também a saudade da mulher que você era, tia, e de tudo que representava para mim.

Que esteja em paz, é só o que eu peço. Levo você comigo há 1 ano, tia querida!
Eu não sei o que fazer para aceitar serenamente a sua despedida. Foi há um ano que minha tia partiu para seu novo mundo e ainda hoje eu sinto sua falta. Talvez a saudade seja eterna, eu não sei.

Ele sempre foi como uma mãe para mim, uma autêntica protetora, confidente, cúmplice. Perder minha tia significa perder uma parte importante de quem eu sou.

Quero acreditar que em breve a dor será menor, as angústias diminuirão e a mágoa perante a vida e a morte também. O que posso prometer é uma lembrança eterna, uma homenagem permanente à tia que jamais irei deixar de amar.
Como é difícil viver sem você,
meu querido tio.

Faz 1 ano que partiu e me deixou
apenas com estas lembranças
maravilhosas do tempo que
estava aqui.

Tenho aprendido a lidar com
a falta que você me faz,
mas nem sempre é fácil
e sinto que meu luto ainda
não acabou completamente.

Em você, eu sempre tive um
verdadeiro amigo e o que
mais sinto saudade é,
justamente, da sua amizade.

Perder você foi um dos
momentos mais difíceis
da minha vida e até hoje
ainda dói.

Viverei para sempre com
esta saudade que me
assola o peito.

Oro para que esteja em paz
enquanto tento seguir em frente.

Sinto muito sua falta, querido tio.