Mensagens de Um Ano de Falecimento

Encontradas 350 mensagens de conforto:

Há 1 ano, quando me despedi do meu irmão, eu ainda não sabia quão difícil ia ser viver sem ele. É muito triste saber que não posso mais vê-lo diariamente, nem ouvir o som da sua voz.

Sinto sua falta todos os dias e sempre oro para que ele esteja em paz. Foi, com certeza, o pior ano da minha vida, porque a saudade é quase insuportável.

Eu sei que tenho que ser forte, mas é difícil continuar sem a presença do meu querido irmão. Sei que nossa amizade e parceria é eterna e que nada apagará tudo que vivemos lado a lado

Sinto muito sua falta, irmão!
Depois do primeiro ano ter passado, sinto o peso de um coração amordaçado, despedaçado pelo sofrimento de perder uma filha. O adeus que aconteceu não tem qualquer retorno, daí que as lágrimas sejam constantes e a saudade já faça parte do meu dia a dia.

É injusto e desesperante ter de passar por uma situação assim. Ver partir uma filha, a princesa da nossa vida, sem que nada o fizesse prever destrói completamente qualquer estado de espírito positivo. Tentei encontrar forças para não abaixar a cabeça perante tamanha tragédia, mas é como combater um inimigo trinta vezes maior que eu.

Minha vida paralisou no instante em que minha filha faleceu, e uma parte de mim se perde cada vez que penso na falta que ela me faz. O único consolo é saber que a amei com todas as minhas forças e me dediquei a ela de toda alma. E ela não merecia menos que isso, pela pessoa maravilhosa que foi.
Você partiu, faz 1 ano, tia, e mesmo que eu saiba que não pode me ouvir, escrevo para contar a minha saudade. Sinto sua falta sempre e lembro muito dos momentos que costumávamos compartilhar.

Ainda me pego falando com você e sempre tem dias que tudo que eu mais queria era poder ouvir um conselho seu. A falta que sinto é gigante e sei que nunca irá acabar, pois você significa muito para mim.

Guardo você no meu coração e na minha memória, tia!
Faz um ano que você, meu querido pai, uma das pessoas mais belas que conheci e que tinha um coração cheio de amor e de fé, nos deixou.

Foi para longe de mim, para perto de Deus, me deixando com uma enorme mágoa e uma imensa tristeza.

Não me consegui despedir de você quando partiu, também não vai ser agora que o farei. Não me consigo despedir daquele que foi tudo para mim.

Apenas lhe desejo que descanse em paz.
Foi há um ano que perdi você, amiga, e tudo se desmoronou de uma forma trágica e muito dolorosa nesse momento da minha vida. De repente, fiquei sem confidente, sem alguém que era para mim uma verdadeira irmã, sem minha companheira fiel de todas as horas.

Muitas coisas mudaram desde sua partida. Há uma parte de mim que se tornou mais fria, mais racional, porque percebi que de um instante para o outro podemos perder para sempre pessoas que amamos de coração, e isso acaba por nos transformar um pouco, é uma experiência que não deixa ninguém indiferente.

Não poderia deixar passar esta data triste porque você foi alguém especial demais para ser esquecida. Aprendi muito ao seu lado, cresci com seu exemplo de força e bondade, e tudo isso guardarei em mim até que chegue minha vez de dizer adeus a este mundo.
Meu irmão partiu há 1 ano, mas parece que foi ontem. A saudade ainda está aqui e a falta que sinto nunca irá embora.

Foi muito difícil perdê-lo. Ele era muito mais que um irmão, era meu melhor amigo, meu grande companheiro. Nada é capaz de suprir a falta que ele me faz.

Tenho orado muito e pedido a Deus que me ajude nesta caminhada, pois está sendo muito difícil aceitar. Mesmo depois de 1 ano, ainda não consegui dizer adeus.

Amo você, meu querido irmão, e nunca irei lhe esquecer!
Como é difícil viver, há 1 ano, sem você, querido irmão. Este tempo passou e eu nem vi, pois a saudade que sinto ainda é a mesma, ou até maior.

Guardo tudo que vivemos com muito amor e hoje em dia, apenas agradeço por tudo que compartilhamos. Sou feliz porque tivemos momentos inesquecíveis lado a lado e oro sempre para que esteja em paz.

Nunca irei esquecer de você e meu amor segue vivo no meu coração. Você foi muito mais que um irmão, foi um exemplo e um amigo.

Sempre amarei você, meu querido irmão!
Há um ano, a crueldade do destino ditou que disséssemos adeus para sempre ao meu primo querido. Não há palavras capazes de descrever a dor e a injustiça que senti nesse momento.

Foi o golpe mais duro que sofri na vida e do qual ainda não recuperei totalmente. Nunca pensei que me iria ter de despedir tão cedo dele. Imaginava que ia poder contar com a sua alegre presença por muito tempo.

A minha vida ficou mais triste desde que ele partiu, para onde quer que eu vá, parece que tem uma nuvem negra me seguindo e escurecendo o caminho.

A luz se apagou no dia em que o meu primo nos deixou.
Eu seria capaz de descrever como passei cada dia deste primeiro ano seu você. Sei que em todos eles eu não contive as lágrimas, que em nenhum eu dei risada ou sorri sem sentir arrependimento. Pai, como eu sinto sua falta.

Preciso tanto de o ter aqui ao meu lado; preciso de sentir seu cheiro, de escutar sua voz de novo. Quem me dera acordar deste pesadelo e encontrar conforto no seu abraço como quando era criança. Descanse em paz, meu pai. Até um dia.
Há um ano eu não perdi só uma prima, mas uma irmã de coração, uma amiga verdadeira e muito especial. Que ela esteja em um lugar de paz é o que lhe desejo.

Para mim, o que mais quero, é a mesma serenidade. Os últimos doze meses foram muito difíceis, tristes mesmo, mas eu espero que o futuro me sorria finalmente. Tenho de ser forte por mim e por você, prima.

Prometo que vou tentar. Farei tudo que estiver ao meu alcance para retomar meu caminho na felicidade. Entre lágrimas de saudade, lutarei por mim. Eu sei que essa seria sua vontade.
Um ano, filho querido. Hoje completa um ano que nos despedimos de uma forma inadequada. É injusto que nosso adeus tenha sido dito sem palavras, verbalizado apenas com lágrimas e acontecido com a sombra da morte como contexto.

Os dias têm sido longos desde que você partiu. Sem a luz da sua presença, fica difícil sentir verdadeira alegria porque todos os momentos parecem inacabados, todos os acontecimentos parecem incompletos e essa sensação de vazio se estende por longas horas, desde o raiar do sol até entrar pela noite dentro.

Às vezes, nem sei como agir para aliviar esta dor. Por um lado, fico lembrando tudo que vivemos, remexendo nossas lembranças de forma incansável, pois isso me dá a percepção que nem tudo se perdeu. Mas por outro, fazer isso me esgota emocionalmente, pois no fundo sei que esse hábito apenas serve para adiar o inevitável.

Nenhum pai está preparado para perder seu filho. É uma tragédia que nos atiram para as mãos e que sentimos como se ela fosse uma chama nos queimando. Apesar disso, continuarei tentando erguer a cabeça e lutar contra estes fantasmas, pois sei que era isso que você mais queria.
 
Mesmo com poucas forças, prometo que não vou desistir, meu filho. Talvez o amor que construímos se revele minha fortaleza e me ampare, me console, me segure sempre que a aflição parecer grande demais para ser suportada.
Hoje, escrevo como uma forma de homenagem à minha querida prima. Faz exatamente 1 ano que ela partiu e a saudade não parou de aumentar.

Ela sempre foi uma grande amiga para mim, uma fonte de alegria e quando ela partiu, foi uma grande perda para todos que a conheciam. Guardo a saudade no coração porque é uma forma de mantê-la perto.

Sei que nada apagará o amor que sinto por ela e as lembranças estarão sempre comigo. Que ela esteja em paz, é tudo que peço a Deus.
A dor que sinto há 1 ano nunca irá cessar. Faz 365 dias que minha filha partiu e sei que nunca irei me acostumar. Perder uma filha é o pior que pode acontecer.

Simplesmente, não é a ordem natural das coisas e é por isso que não consigo aceitar. Agarro-me na fé e oro sempre a Deus pedindo ajuda, mas sei que nada nem ninguém pode me ajudar.

Conforto-me lembrando dela, do seu sorriso lindo, do jeito que ela tinha de me abraçar, mas nada alivia a dor.

Esta dor é minha e nunca irá cessar. Minha filha, você era tudo para mim e só espero que esteja em paz. Meu amor por você nunca irá acabar!
Eu sei o que é sentir falta, mágoa, infelicidade. Eu descobri o que é a perda quando há um ano meu primo se foi para sempre. Desde esse dia, tudo se tornou diferente na minha vida.

A saudade tem sido a coisa mais difícil de suportar. Saber que jamais irei encontrar aquele que sempre foi como um irmão para mim, é algo que evito sequer pensar.

Quero acreditar que o tempo me ajude a lidar com a verdade, com os desígnios da vida e da morte. Mas aprendi algo imensamente importante: valorizar cada instante. Descanse em paz, primo.
O tempo passa sem aviso, um dia atrás do outro, minutos que voam, semanas que simplesmente correm à frente dos nossos olhos. Hoje, irmã, faz um ano que você se foi para jamais regressar.

Parece que passou muito tempo, mas às vezes sinto o contrário: que tudo foi rápido demais. Não há um instante em que não pense em você e no quanto desejaria sua presença agora mesmo ao meu lado.

É algo que não se consegue explicar facilmente. É algo duro, que vem de dentro, que traz lágrimas; algo que nasce sem perspetiva de ir embora. Irmã, descanse em paz. E até um dia.