Mensagens de 1 Ano de Falecimento de Mãe

Encontradas 45 mensagens de conforto:

Foi um ano que passou, querida mãe, desde sua partida. Apenas um conjunto de dias, porque parece que ainda foi ontem que ouvi sua doce e ternurenta voz pela última vez. Um ciclo infindável de meses, pois o vazio que você deixou foi muito profundo e tornou todos os instantes da minha vida em momentos dolorosamente prolongados.

Saudade é o que mais sinto, como se tivéssemos largado as mãos, de forma súbita, e agora eu procurasse, de alguma forma, agarrar você de novo. Saudade porque mãe é uma pessoa única, capaz de proporcionar o maior dos amores que o mundo já conheceu. E, por isso, ficar sem você foi perder um pouco de minha própria vida. Foi deixar de ter a referência que eu sempre quis imitar.

Pudessem as lembranças abrandar um pouco esta vontade dilacerante de ter você de volta à vida e talvez eu fosse capaz de seguir verdadeiramente em frente. Mas, por agora, um ano é pouco para o conseguir. Pouco para quem desejava permanecer toda a vida do seu lado.
Dor e saudade por não ter você aqui, mãe
Saudade que mora aqui há 1 ano
Pensei que o tempo seria capaz de acalmar a minha dor e estas imensuráveis saudades que sinto de você, minha mãe, mas um ano depois da sua partida para outro mundo, sinto que a saudade e a falta que você me faz aumentam diariamente.

Todas as pessoas que conhecemos na vida são únicas, especiais, mas mãe é muito mais e sua existência é impossível de substituir.

Amo muito você, minha mãe, e no conforto desse amor e das memórias que guardo no coração, vou encontrando as forças para suportar a sua ausência.
A falta que minha mãe faz
Há 1 ano atrás, nesta data, vivi o dia mais difícil da minha vida. Minha mãe partiu e eu tive que aprender a lidar com a dor.

Hoje, no seu aniversário de falecimento, deixo aqui minha homenagem à mulher incrível e forte que minha mãe foi. Ela era meu maior exemplo e minha melhor amiga.

Tem sido um ano difícil, mas ao mesmo tempo, sei que estou me tornando uma pessoa mais forte.

Mãe, se você puder me ver, saiba que eu tenho tentado lhe deixar orgulhosa, porque é tudo que importa para mim.

Espero que esteja em paz e que saiba a falta que me faz.
Mãezinha querida, faz 1 ano que você partiu deste mundo. Embora a dor me consuma todos os dias que não posso ver você, hoje sorrio por saber que aproveitamos nosso tempo lado a lado.

Tenho muitas recordações maravilhosas de você e as guardo sempre no fundo do meu coração. Você foi a melhor mãe que eu poderia ter e mesmo que já tenha partido há 1 ano, levo seus ensinamentos comigo.

Espero que esteja em paz e que saiba a falta que faz. Amo muito você, mamãe, hoje e sempre!
Os meus olhos enchem-se de lágrimas sempre que penso na minha mãe, nas coisas que ela me proporcionou, no amor que me deu. Faz hoje um ano que ela se foi para outro mundo. Sinto tanto sua falta!

Quem me dera ter o poder de a trazer de volta. Se eu pudesse, eu juro que a abraçaria e jamais a iria largar. Às vezes só gostaria de acordar deste pesadelo e a encontrar de novo ao meu lado.

Tenho de parar de sonhar com coisas impossíveis. Eu sei que não a terei mais fisicamente, mas eu acredito que a tenho de alguma outra forma; uma forma igualmente intensa. Descanse em paz, mamãe.
Eu sempre soube que minha mãe era a melhor pessoa que algum dia tive o privilégio de conhecer. Nunca desconfiei da sua palavra, da sua integridade. Passou um ano que ela se foi e minha admiração tem crescido a cada dia que nasce.

Nem sei bem como lhe agradecer, mas gostaria que ela soubesse que a amo e que todos os dias penso nas coisas lindas e maravilhosas que passamos lado a lado. Se ela puder me ver, adoraria que se sentisse orgulhosa de mim.

Tento ser a melhor pessoa, um ser humano de princípios e valores como ela me ensinou. Todos os dias choro, mas não é por estar triste; todos os dias choro porque a saudade é forte demais. Descanse em paz, mamãe.
Um ano depois de perder você, mãe, vou tentar esquecer um pouco a dor da sua ausência, vou tentar ignorar por uns momentos a falta que me faz. Porque hoje você merece que eu pense somente em coisas boas, nas recordações felizes que deixou, e que lhe preste uma sentida e merecida homenagem.

Você foi um exemplo como mãe e esposa, mas também como ser humano. Sempre pronta a ajudar, com um sorriso rasgado para todo mundo, com palavras bondosas até para quem não as merecia, nunca conheci alguém com um coração tão genuíno e altruísta.

Foi um privilégio ter você na minha vida, ser carregado no seu ventre, receber sua valiosa educação e poder afirmar que tive a melhor mãe do mundo. Hoje há uma tristeza e uma nostalgia que me invade, mas não quero pensar nisso. Você sempre lutou para que eu sorrisse, e é isso que quero fazer, carregando o amor que nos uniu, para todo sempre.
Não há nada mais a perder quando perdemos uma mãe. Soube isso no instante em que deixei de ter a minha ao meu lado. Hoje faz um ano que ela partiu da minha vida. E não sou mais a pessoa que era. Uma parte de mim simplesmente deixou de existir no momento do seu falecimento.

Sinto falta do seu amor, da sua alegria espontânea, das suas palavras sempre sábias e recheadas de carinho. Há experiências que não deveríamos ter de enfrentar por serem dolorosas demais. Eu sentirei falta dela pelo resto da minha vida.
Mãe, as leis da natureza mandam que os mais velhos partam mais cedo que os mais novos, mas é difícil aceitar isso quando em causa estava a pessoa que mais amava nesse mundo. Hoje faz um ano que você sucumbiu perante a força cruel da morte, e continuo não me conformando, não me acreditando totalmente nesse desfecho triste.

Uma parte de mim vive preso ao passado, agarrado às memórias lindas que guardo de nossas vivências. Lembro a mãe meiga e carinhosa, a mulher lutadora e corajosa, a pessoa bondosa e altruísta que você sempre mostrou ser. Tudo me deixou uma marca tão intensa, que involuntariamente muitas vezes imagino você entrando pela porta da casa, para me dizer que tudo não passou de uma longa viagem, e que está de volta para ficar eternamente ao meu lado.

É apenas o primeiro ano, tudo ainda está bastante presente, mas algumas coisas não vou mudar. Esteja eu onde estiver, sejam quais forem minhas circunstâncias, vou sempre recordar você de forma intensa e sentida, com muita tristeza, mas também com a reverência que merece.
Doeu este ano sem você, mãe. Sei que foi o primeiro, foi um ano diante de uma nova circunstância que consistiu em enfrentar o vazio da sua ausência. Mas, às vezes, me pergunto se alguma coisa mudará à medida que o tempo passar. É que o golpe da sua perda cravou bem fundo no meu coração, e sinto que deixou um dano irreparável que terei de forçosamente suportar.

Como faço para recuar no tempo e voltar a ser a criança que você segurava sorridente no seu colo? Ao seu lado aprendi o verdadeiro valor do amor, a importância de sermos bondosos com as pessoas que nos rodeiam, a necessidade da união face às constantes adversidades da vida. Nos seus braços eu já senti o que é estar protegida contra as trevas do mundo, e eu tenho muitas saudades desse sentimento de apego e amparo.

Um ano após o choque de ver você partir, mãe, só queria que tudo fosse mentira. Mas não é, há pesadelos que vivemos enquanto estamos acordados, e que nos deixam amargurados, como se uma parte de nós tivesse também ousado morrer.
Mãe, é tão difícil viver sem você ao meu lado. Foi um ano terrível, profundamente triste em que tive de lutar todos os dias para me aguentar. Descanse em paz, mamãe, e até ao dia em que nos encontremos de novo.

Nunca é fácil estar longe de quem tanto amamos, estar separado de quem deveria estar ao nosso lado. Só espero que o tempo me ajude a aceitar o seu adeus e que no seu novo lar sua alma encontre paz e harmonia.
Estava perdido no vazio da sua perda, mãe, quando percebi que passou um ano. Hoje completo 365 dias desde que você partiu. É um dia diferente, mas ao mesmo tempo tão comum a todos os outros que têm ficado para trás. É a saudade, a tristeza de não ter você aqui. É o grito de revolta que tenho preso em mim, sem perceber quando o poderei largar.

Sempre soube do seu valor como mãe, esposa e, sobretudo, mulher, mas agora percebo ainda mais pela falta que faz à família. Existe um silêncio constante implorando o som do seu sorriso, meu corpo está sempre pendido seu abraço, e há uma carência que se apoderou de mim rogando pelo seu amor.

Mãe, como pôde tamanha crueldade acontecer na minha vida? Que tremenda injustiça, perder minha casa, minha inspiração, meu pilar! Guardo cada memória sua como se fosse o tesouro mais procurado do mundo. Eu nunca esquecerei você, passe o tempo que passar.
Sempre pensei que a teria para sempre aqui ao meu lado, mãe, para me dar carinho e fazer tudo melhorar com um abraço.

Há um ano que não é mais assim e desde esse dia que a minha vida deu uma reviravolta cruel. Fui surpreendido pela sua partida, nada fazia prever que alguém tão saudável pudesse nos deixar assim de um momento para o outro.

Nesse dia não perdi somente a minha mãe, perdi a minha maior amiga e a minha maior fonte de carinho.

É muito difícil viver sem você. Espero que, onde quer que esteja, encontre a paz merecida.
Mãe, todas as palavras que possa dizer não serão suficientes para expressar a saudade que sinto. Hoje faz precisamente um ano desde que você partiu da minha vida, e não há um dia em que não recorde seu sorriso, seu carinho, seu exemplo de mãe, esposa e mulher.

O tempo pode passar que nunca permitirei que leve nossas melhores recordações. Amarei você para sempre e com todas as minhas forças.
Os meus dias são muito difíceis. Desde que minha mãe se foi, tudo virou tristeza. A infelicidade está instalada na minha vida há um ano. Não sei como vou superar, como serei capaz de viver sem ela.

As pessoas falam que é uma questão de tempo, mas eu sinto que não. Parece que algo em mim está irremediavelmente vazio e outra parte está sem rumo, sem qualquer gênero de direção.

Espero que minha mãe me dê um sinal, que me indique a estrada certa, a decisão a tomar. Preciso do seu conselho, do seu ânimo para me levantar. Preciso da minha mãe como nunca precisei.

Talvez a força esteja já em mim; talvez precise de me concentrar e ganhar coragem. Não sei mesmo como devo reagir, mas sinto que preciso de a honrar que qualquer jeito.

Com ou sem algum sinal da minha querida mãe, eu prometo que vou lutar pelo meu bem-estar. Posso continuar a chorar noite e dia, mas não irei desistir. Mãe, descanse em paz.