Mensagens de 3 Meses de Falecimento

Encontradas 49 mensagens de conforto:

Eu sei que é tudo ainda muito recente – só passaram três meses, mas parece que ainda não consigo aceitar sua morte. Você estará vivendo no meu coração eternamente e fará sempre parte do meu pensamento. Descanse em paz!

Por mais difícil que seja compreender a triste realidade eu acabarei por arrumar um jeito de entender os desígnios da vida. Claro que é injusto: você merecia mais; viver mais. Mas na vida mandamos pouco. Até um dia!
Passaram três meses desde que perdi você
Há pessoas de quem nunca nos esqueceremos
O ritmo da vida está diferente. O vento mais parece que navega e à deriva de quem sente sua falta. Passaram três meses que você se foi e nada mudou; a tristeza continua, a saudade também.

Acho que este sentimento irá permanecer nos corações de quem sempre amou você. O luto precisa ser feito – e está sendo feito, mas algo me diz que será para toda vida. É como se sua morte nos retirasse vitalidade.

Mas eu prometo que tudo vai ser diferente. Não vai ser fácil, é verdade, mas você demonstrou na vida que nada é impossível. E esse seu ensinamento será minha inspiração para retomar a felicidade.

Essa é a forma que encontro para honrar seu nome.
Descanse em paz.
E até um dia.
Há um vazio que nunca se vai preencher
Memórias que me dão força
Eu já não sei o que é sorrir com facilidade ou sentir alegria sem remorso. Desde que você se foi há três meses que tudo se transformou em algo mais escuro, triste.

Mas eu prometo que vou retomar meu caminho para felicidade. Não vai ser fácil, mas eu sei que isso é tudo que você sempre quis: a minha felicidade e a de todas as pessoas ao seu redor.

E com essa força que você sempre me demonstrou eu vou conseguir superar esta difícil etapa na vida. Eu jamais vou esquecer o seu coração maravilhoso e seu jeito inspirador de enxergar a vida e as pessoas.

Na verdade, vou levar isso como lição para meu dia a dia. E assim provaremos que mesmo em outros mundos podemos estar juntos e bem presentes. Até um dia.
Três meses de saudade da minha mãe
Desde há três meses que fico imaginando como seriam meus dias se você não tivesse partido para nunca mais voltar. Descanse em paz e esteja onde estiver, por favor, olhe por mim. Até um dia.

Não tem sido fácil adormecer e ainda menos acordar de manhã e perceber que não terei mais seu corpo para abraçar nem sua voz para escutar. Agora percebo que nunca estamos preparados para a morte; para o derradeiro adeus.

Mas de uma coisa eu sei: estaremos sempre juntos e ligados neste mundo, porque o que nos uniu jamais poderá nos separar. E estou me referindo ao amor. Recordarei sempre você como um ser humano absolutamente maravilhoso!
Parece que ainda ontem me perdi no seu olhar profundo e inspirador, mas não. Sinto que posso me encontrar novamente no seu abraço e sentir o calor do seu bom coração, mas não. Já passaram três meses que você se foi.

A tristeza é um lugar estranho onde ondas violentas nos levam para longe de sorrisos ternurentos. É assim que me sinto desde aquele momento infeliz que a morte veio buscar seu corpo. Será que você está bem? Feliz? Em paz?

Não encontro saída para tanta dor e por isso vou me render à dura realidade do seu desaparecimento. Mas pelo caminho vou honrar seu nome e tudo que você construiu de maravilhoso nesta vida.

E um dia, distante ou não, vamos nos reencontrar. E aí sentirei novamente seus braços; seu olhar; seu amor. Até esse dia. Descanse em paz.
A lenta passagem do tempo
é agora habitual desde há 3
meses quando você se foi e
me deixou só com este luto
que jamais irá conhecer fim.
Descanse em paz.

Como vou aguentar sem sua
presença ao meu lado e bem
viva no seio do meu coração
e sempre junto, bem junto do
meu consciente pensamento?

Como vou suportar o dia a dia
que antes era belo e radiante
porque você simplesmente
existia de uma forma diferente
da que sempre existirá em mim?

Já passaram dias, noites e até
semanas e tudo continua cinza
ou outras cores nada brilhantes
mas eu mudarei o destino porque
honrarei seu nome com orgulho.
Até um dia.
Eu já não aguento mais continuar com todas as questões sem resposta. Já não consigo viver fugindo da realidade. Você se foi e jamais irá regressar. Tenho de enfrentar a verdade, até porque já passaram 3 meses.

Descanse em paz! Chegou a sua hora e eu só posso pedir que esteja se sentindo leve e em harmonia com esse seu novo mundo. E aqui eu prometo que farei tudo que estiver ao meu alcance para manter seu nome vivo. Até um dia!
Tudo mudou há três meses. De forma trágica e inesperada vi partir alguém que amava de coração e tudo parece ter perdido sentido. A vida continua, mas o vazio e a saudade são tão grandes que seguramente nada mais será igual.

Guardo na memória os momentos especiais que vivemos como se eles fossem o tesouro mais valioso do mundo. Queria voltar atrás no tempo para ter um último abraço, para ouvir novamente sua voz, mas não é possível e tudo que tenho a fazer é aprender a conviver com esta tristeza.
Perder um pai é como se perdêssemos o chão, deixamos de ter um terreno seguro para pisar.

Há três meses você partiu, meu amado pai, e a sua morte deixou uma dor no meu peito que parece não querer passar.

Mas as memórias felizes que compartilhamos e o amor que por mim nutriu são aquilo que me dá força para continuar.
Foi há três meses que você se foi. O primeiro mês foi difícil, o segundo e o terceiro também. Sinto que estou ainda de luto e acho que nunca deixarei de estar. Você é e sempre será alguém que no meu coração viverá eternamente.

Espero e desejo que esteja descansando na sua nova casa, no seu lar construído com serenidade e leveza. Que esteja bem, é o que mais quero. Aqui eu prometo honrar seu nome por cada lágrima que meu coração chore. Até um dia.
Foi há três meses que conheci o verdadeiro significado da dor. Existe em nós uma teimosia de olharmos para as pessoas que amamos como se elas fossem eternas, mas não são, e quando uma tragédia como a morte se abate sobre nossas vidas, somos abalados por um conjunto de sentimentos que muda completamente nossa perspetiva sobre tudo o que está à nossa volta.

Não sou mais a pessoa que era. A tristeza se abateu nos meus dias, a angústia tem sido o ar que respiro. Tento erguer a cabeça e fingir que tudo ficou para trás, mas sinto muita saudade, sinto sua falta num aperto constante que esmaga meu peito, percebo a crueldade da sua ausência até nas coisas mais simples do meu dia a dia.

Ainda só passaram três meses, eu sei. É tudo demasiado recente, as feridas ainda estão por curar. Mas ainda que doa, mesmo que seja amargo demais para sentir, não vou permitir que as memórias do que vivemos se apaguem. Elas serão meu refúgio, minha fortaleza, a certeza que você foi a pessoa mais incrível que conheci na minha vida.
Há 3 meses, sinto sua falta, mãe. Quando você partiu, senti uma tristeza profunda no meu peito que segue aqui comigo até agora. Sinto como se tivesse levado junto um pedaço meu.

Você me ensinou a ser forte e isso é o que tem me guiado nos últimos 3 meses. Você era e ainda é uma mulher incrível, batalhadora e determinada.

Serei forte por você, mãe, e prometo que você seguirá viva através de mim. Eu serei alguém de quem você se orgulharia.

Sinto sua falta todos os dias, mas prometo ser forte e viver por nós!
Há 3 meses recebi uma das piores notícias da minha vida. Ainda hoje é difícil acreditar que tenha realmente acontecido. Perdi meu irmão querido de forma inesperada. Todos os dias choro sua perda porque ele me faz muita falta.

Foi com meu irmão que vivi alguns dos momentos mais felizes da minha vida. Foi com ele que cresci e aprendi o verdadeiro significado do amor e da amizade.

Nunca estamos preparados para uma perda tão significativa como a perda de um irmão. A saudade que sinto dele é eterna.
É tudo ainda tão recente que às vezes nem parece verdade. Passaram três meses e ainda não consegui aceitar este adeus como deveria. Creio que é normal: ninguém gosta de se separar de quem ama e sempre lhe deu alegria. É muito difícil acordar, olhar à volta e não ver aquela pessoa que sempre nos apoiou e tudo fez pelo nosso bem-estar. Mas nada há a fazer contra as leis da vida. Descanse e até um dia.
Convivo com a dor e a saudade há 3 meses. Ainda não consegui me despedir e meu luto segue aqui comigo. É muito difícil dizer adeus a alguém que significou e ainda significa tanto para mim.

Faz 3 meses que tento me desvencilhar da falta que sinto, porque sei que não adianta ficar me remoendo. Não consigo evitar de relembrar os momentos que vivemos juntos.

Que Deus me ajude a seguir em frente e que os anjos cuidem de quem um dia esteve aqui ao meu lado.