Mensagens de Saudade

Encontradas 1212 mensagens de conforto:

O tempo passa, a vida muda, mas as pessoas especiais que adormecem na morte jamais são esquecidas. Você foi um amigo que soube estar ao meu lado em todos os momentos, e eu quero homenagear nossa amizade por lembrar tudo que vivemos juntos.

Mesmo sentindo sua ausência, você estará sempre presente em meu coração como uma estrela que nunca deixa de brilhar no céu.
O tempo passou e tudo se tornou mais sério na nossa vida. Cada um seguiu seu caminho e hoje a responsabilidade tomou conta de cada um de nós. Apesar disso, nada apagará o que vivemos. Os nossos tempos de faculdade nos trouxeram a oportunidade de fazermos maravilhosas amizades e hoje quero recordar cada um de vocês.

Há coisas que ficam para trás, mas as pessoas que nos marcam são levadas eternamente no nosso coração.
Minha filha é minha vida e sempre me sentirei incompleta quando não estiver ao seu lado. Sinto tanto sua falta, querida! Você sempre foi tudo para mim. E nunca é fácil conviver com a distância de quem tanto amamos.

Eu acredito e aguardo ansiosamente pelo nosso reencontro. Não há um dia que acorde sem pensar em você. E nunca adormeço verdadeiramente descansada, filha. Eu te adoro e não vejo a hora de ficar ao seu lado para sempre.
Sinto falta da minha mãe; de escutar sua voz e sentir seu odor tão agradável. Minha mãe partiu, mas deixou um mundo de nostalgia. É que não tem dia que não acorde sem uma lembrança maravilhosa.

Faria qualquer coisa para um último abraço, uma última conversa. Faria tudo para ter mais um beijo da minha mãe. Mas quero acreditar que quando minha hora chegar estaremos juntos. E aí será para sempre. Até esse dia, mamãe!
Você foi, é e sempre será o meu grande amor! Mãe, não é fácil passar esta época sem a sua presença; será a primeira vez. Sinto que vou desabar a qualquer instante; vou chorar, gritar seu nome.

Na verdade, nem me parece Natal! Sinto que agora já nada me dá entusiasmo, febre, fulgor de qualquer coisa. É incrível, mas desde que você se foi nada ficou igual; tudo se tornou mais cinzento e triste.

Mas uma coisa eu prometo, mãe: vou lutar, me esforçar para ser o mais feliz possível neste Natal. Eu sei que se você pudesse me pediria para sorrir. E eu quero cumprir seus desejos.

Não será fácil, mas tentarei.
Serei feliz por você, mãe.
Pai, você partiu de verdade? Jamais irá regressar? Perguntas e mais perguntas. Respostas incompletas, tristes, lentas. Você que sempre foi um herói para mim é hoje um anjo que me guia e protege de longe.

Descanse em paz, meu pai, e prepare meu lugar bem pertinho de você. Pode demorar muito ou pouco, mas um dia eu quero acreditar que voltarei para seus braços e juntos cantaremos as canções de sempre.

A felicidade é agora um país tão distante como os mundos que nos separam. Talvez nunca chegue a encontrar razões para sorrir. Talvez. Mas prometo que lutarei todos os dias e todas as noites para deixar você orgulhoso. Até um dia, papai.
Não existe sensação mais triste do que passar esta época natalina sem aqueles que tanto amamos. E você, meu bom amigo, não está mais aqui e eu terei de passar o primeiro Natal sem a sua presença.

Tenho certeza que vou recordar as piadas e todas as coisas engraçadas que você fez e faria se ainda estivesse aqui! Sabe, amigo, vai ser muito difícil para mim sentar à mesa e comer; celebrar a vida.

Na verdade, tenho dúvidas se irei conseguir. É preciso um estômago forte e o meu não deve ser assim tão capaz. Mas tentarei, por mim e por você, porque eu sei que se aqui estivesse iria me obrigar a comemorar o Natal de alguma forma.

Sinto sua falta, amigo!
Feliz Natal!
Este é o primeiro Natal que passo sem meu querido pai! Não consigo pensar em outra coisa e estou quase a ceder às lágrimas. O dia que sempre adorei é agora o dia que tanto quero evitar.

Não é fácil conviver com a vida sem aqueles que amamos. E especialmente nesta data acho que tudo se complica. Será uma festa diferente, mas será uma festa, porque era isso que você iria desejar se aqui acontecesse. Descanse em paz, meu pai!
O meu bom e grande amigo não está mais aqui e desde a hora da sua despedida tudo se transformou em algo mais cinzento. Parece até que o mundo é agora um jardim sem cores. E nesta época fica ainda mais triste; será o primeiro Natal sem meu amigo!

Só desejo que esteja em um descanso absoluto e me dê força, se puder, para passar este dia da melhor forma. Não será fácil, porque seu nome não sai da minha cabeça, mas tenho de conseguir. Por mim, por você, eu vou conseguir.
Só quem já passou um Natal sem sua mãe amada é que sabe de verdade o que estou sentindo. Esta é a primeira vez e dói tanto, tanto! Mamãe, gostaria tanto que você estivesse aqui ao meu lado!

Temi este dia desde a hora que você se foi para sua nova casa, para seu novo mundo. Eu já sabia que iria ser difícil, mas confesso que não imaginaria que a dor fosse tão grande assim.

Tentarei resistir, respirar fundo.
Tentarei arrumar um jeito de sorrir.
Acho que nunca senti um vazio tão grande em toda minha vida. Estar longe dos meus pais é a dor maior que poderia experimentar. Não há um dia sequer que deixe de pensar em vocês dois e no milagre que seria nos reencontrarmos!

Às vezes no silêncio da madrugada eu acordo de um sonho em que estamos todos juntos celebrando a vida e o amor que sempre nos uniu. Na verdade, eu sinto que continuamos ligados de alguma forma, independentemente dos mundos que nos separam.

Mas a verdade é que eu reconheço a realidade, e por mais dura que ela seja eu não tenho como fugir. Estamos longe, separados, mas também unidos pelo sentimento ímpar que cultivamos desde o meu primeiro dia de vida. Descansem em paz. E até um dia.
Foi um ano que passou, querida mãe, desde sua partida. Apenas um conjunto de dias, porque parece que ainda foi ontem que ouvi sua doce e ternurenta voz pela última vez. Um ciclo infindável de meses, pois o vazio que você deixou foi muito profundo e tornou todos os instantes da minha vida em momentos dolorosamente prolongados.

Saudade é o que mais sinto, como se tivéssemos largado as mãos, de forma súbita, e agora eu procurasse, de alguma forma, agarrar você de novo. Saudade porque mãe é uma pessoa única, capaz de proporcionar o maior dos amores que o mundo já conheceu. E por isso, ficar sem você foi perder um pouco de minha própria vida. Foi deixar de ter a referência que eu sempre quis imitar.

Pudessem as lembranças abrandar um pouco esta vontade dilacerante de ter você de volta à vida e talvez eu fosse capaz de seguir verdadeiramente em frente. Mas, por agora, um ano é pouco para o conseguir. Pouco para quem desejava permanecer toda a vida do seu lado.
Sete dias sem você, uma vida de saudade. Sinto muito sua falta, de seu jeito encantador, de sua forma inspiradora de enxergar a vida. Você se foi, partiu para outro mundo e deixou este mais cinzento. Dói demais acordar sem sua presença.

É triste, injusto. Mas prometo que seu nome ficará gravado no meu coração. Seu legado continuará vivo. Que no céu seu descanso seja eterno. Que aqui sua existência seja lembrada com admiração. Até um dia.
Não há medida que se conheça capaz de determinar a falta que uma mãe faz. Pois poucas coisas têm tanta importância na vida de alguém como uma mãe.

Ela faz falta para tudo; para conversar, para apoiar, para amar. Ela é nosso pilar, e é seu carinho que nos mantém no caminho certo ao longo da vida.

Por isso quando uma mãe parte para outro mundo, uma parte de nós vai também e jamais voltamos a sorrir do mesmo jeito.

Pois, em todos os momentos, há um pedaço do nosso coração que se perde na saudade e na angústia de saber que jamais voltaremos a ver nossa amada mãe.

Ah, minha mãe, a falta que você me faz!
Perder um pai é conhecer uma dor sem igual. É ver partir um pedaço grande e importante da nossa existência. É descobrir uma saudade que nunca mais terá fim.

Dói muito perder um pai. Dói muito saber que aquele que tanto amamos e admiramos fechou para sempre os olhos. E dói ainda mais saber que nunca mais sentiremos o calor do seu abraço.