Mensagens para Filho que Morreu

Encontradas 45 mensagens de conforto:

É impossível esquecer o dia em que roubaram de mim o bem mais precioso que tinha. Hoje é o aniversário de morte do meu querido filho e ainda me revolta como a morte o levou de forma tão inesperada.

Para mim é como se tudo tivesse acontecido ontem. É difícil encarar esta realidade quando estava em causa alguém tão jovem, com tantas coisas ainda para viver. Mas a vida nunca foi justa e eu tento me apegar todos os dias nas melhores recordações para que um pouco de paz possa invadir meu coração.
Filho, serás sempre meu herói
O vazio que meu filho deixou
Você está passando pela dor mais terrível que existe. Perder um filho é como sentir que a vida nos jogou para o lixo. É conhecer a decepção mais profunda! Mas você é forte! E pode ter certeza que após fazer seu luto, as coisas vão começar a melhorar.

Claro que vai faltar sempre o corpo do seu filho, mas pode ter certeza que ele vai estar sempre presente no seu coração e nos seus pensamentos. Força!
Aceitar o adeus do meu filho
Eu não consigo imaginar a dor que você está sentindo! Somos amigos faz muito tempo e acredite que agora, mais do que antes, estarei junto para todo apoio, para dar toda minha força.

Seu filho continua perto de você, mas de uma outra forma. Vai ser difícil, vai doer; o luto será eterno, mas não duvide em breve tudo ficará diferente. Sim, porque você merece ser feliz! Acredite que ele não partiu.

Foi só seu corpo que desapareceu e nada mais! Força, minha querida amiga! Sinto muito por tudo. Beijo.
Sinto sua falta todos os dias, em todos os momentos, em qualquer instante de paz e guerra. Você sempre foi tudo para mim, meu querido filho. E não é por ter partido cedo demais que desapareceu!

O amor verdadeiro é infinito. É por isso que a eternidade da nossa união é algo que jamais vai ser diferente. Vou amar você, porque nosso sentimento vive além do adeus. Fique em paz, meu filho!
Hoje é aquele dia que eu removeria do calendário, se fosse possível. Eu penso em você a toda hora, meu filho, mas especialmente nesta data é como se o tempo voltasse atrás, até ao momento em que recebi a notícia mais dolorosa da minha vida.

Faz anos que você partiu, mas eu ainda me considero sua mãe. Perdi muita alegria, até mesmo com coisas que antes me traziam felicidade, mas no fundo eu sei que as recordações que persistem no meu pensamento serão como uma estrela que me guiará pelo melhor caminho. E para onde quer que eu vá, amarei você eternamente, querido filho!
Ele partiu para um novo mundo; ele não desapareceu; ele só deixou o corpo. Meu filho já não está entre nós, mas estará sempre do meu lado.

Sim, porque amor de filho permanece e nem a morte desvanece o que um dia a vida proporcionou! Mas vai doer, aliás já está doendo. Sinto que a saudade será minha grande companhia todos os dias da minha vida.

Mas a saudade representa as lembranças que só nós conhecemos. Um dia voltaremos a estar juntos e tudo não terá passado de uma tristeza passageira!
Hoje o dia é de reflexão, de entendimento, de paz. Hoje, meu filho, recordo nossa história. Mas confesso que não consigo esquecer o adeus que nos separa até hoje. Foi há um ano, meu amor!

Foi há um ano que minha vida perdeu cor e alegria. Mas aprendi a encontrar você nas minhas memórias, nas lembranças mais poderosas de nós dois. E aí sou feliz novamente; aí sou feliz constantemente. Até um dia, meu filho!
Poderão passar mil anos que nesta mesma data o dia sempre despertará cinzento e triste, muito triste! Sinto a sua falta todos os dias, e a cada segundo você vive em meu pensamento constantemente, e meu coração bate de saudades suas, meu filho.

É mais um ano que vivi sem você, mais um ano em que tive que aprender a suportar a sua ausência, algo que é antinatural. Mãe e pai jamais deveriam ter de assistir à partida definitiva do seu filho... Mas assim Deus decidiu no nosso caso, e assim tento aceitar o melhor que posso.

Mas em dias como este tudo fica mais difícil. Olho os objetos que lhe pertenceram e que guardo como tesouros, relembro nossos melhores momentos, vejo você sorrindo para mim e seus olhos brilhando de alegria e vida, e tudo que eu queria era mais um abraço, mais um carinho e ouvir sua voz outra vez.

Eu amo você, hoje como então, e assim será eternamente! Você vive através de mim e me conforta a ideia de um dia voltar a encontrar você, apenas não nesta vida...
Perdi você, filho. Perdi uma luta desigual que nunca poderia vencer. A morte é cruel, mas também poderosa. Ainda assim, eu queria enfrentá-la se pudesse, olhá-la nos olhos para que soubesse a revolta que sinto. Talvez desse jeito ela me quisesse levar no seu lugar. E juro que aceitaria sem pensar, de bom grado, meu filho. Eu daria minha vida para que você voltasse a viver.

Não acredito que haja maior sofrimento que este. Perder um filho é perder a luz que ilumina um dia, perder o sentido da nossa caminhada. É saber que de um momento para o outro tudo pode desmoronar e transformar nosso coração em um mar de infelicidade.

Meu anjo, como poderei erguer a cabeça e seguir em frente? Como poderei aceitar que você não concretizou nem metade dos seus sonhos? Peço a Deus que nos console nestes instantes de dor, que alivie a carga que sua ausência é para nós. E que guarde você na sua memória infindável, até que cumpra cabalmente o que ficou registado na sua santa e sagrada Palavra.
Ninguém consegue imaginar a dor que existe quando um filho parte para outro mundo! É algo que não tem explicação. É como que o chão desabasse, como se as flores perdessem as cores mais vivas.

Mas a verdade é que um filho nunca se perde! O corpo vai embora, a voz e o toque desaparecem, mas as lembranças e o sentimento verdadeiro permanecerão para toda eternidade!
Eu jamais irei sorrir do jeito que sorria quando seu olhar encontrava o meu. Filho, você partiu, se foi para um outro mundo, para um lugar distante. E eu chorarei essa despedida dia após dia. Mas continuarei a amar você!

Não será fácil sobreviver à saudade; à terrível falta que sua alegria me fará. Mas com o seu apoio eu sei que vou conseguir. É por você que levantarei as mãos ao céu e seguirei meu caminho. É por você, filho, que serei feliz novamente.

Não será hoje nem amanhã. Não será tão cedo. Mas um dia olharei no espelho e sentirei que minha missão está cumprida. Descanse em paz, meu grande e eterno amor, enquanto faço meu trabalho nesta casa que será sempre a sua.

Até um dia, meu filho, até um dia.
Serei feliz por nós dois.
Hoje digo adeus, porque assim o céu me obriga... Hoje digo adeus para sempre, rasgando para isso a alma, sangrando para isso meu coração. É insuportável a dor que sinto, é terrível a confusão e não há palavras que me valham. O meu anjo, o meu filho, foi-me arrancado dos braços para sempre!

Meu filho, você partiu, deixando uma noite cerrada para trás, e com você levando um pedaço de mim que jamais vou recuperar. Meu filho, meu amor, hoje lhe digo adeus na esperança de em uma outra vida voltar a encontrá-lo...
Hoje gostaria de em um passo de mágica, poder confortar você com simples palavras, com um pouco de carinho, mas eu sei que nem toda a mágica do mundo, assim ela existisse, poderia fazer diminuir seu sofrimento e apagar da sua memória a perda do seu filho.

Mas você não deve, não pode, desistir! Não perca a fé e a esperança, pois tudo tem um ‘porquê’, e se seu amado filho partiu cedo demais, e por muito que pareça insuportável a simples ideia, você deve tentar aceitar, pois infelizmente a morte é a única certeza que temos na vida, e o único adeus que não tem volta.

Você deve seguir seu caminho, lutar com todas as suas forças pela sua vida. Você sabe que deve isso a seu querido filho, pois ele gostará de ver você bem, se esforçando por ser feliz, e recordando a memória dele para sempre, com amor e muita saudade. Que a alma do seu amado e saudoso filho descanse agora em paz.
É tudo muito recente e eu tenho ainda muita dificuldade em encontrar as palavras certas para definir o que sinto. Há um mês, minha vida mudou para sempre. Meu filho querido partiu para um novo mundo.

Sinto e irei sempre sentir sua falta, saudade do seu carinho, do seu abraço tão fofo e querido, da sua voz, do seu olhar sempre luminoso. A vida, às vezes, é muito injusta. Infelizmente, eu acho que foi injusta com você.

Mais do que um menino doce e generoso, você era um sonhador, uma pessoa incrível que me inspirava a ser melhor a cada novo dia. Irei amá-lo eternamente, esteja eu perto ou longe de você. Descanse em paz.
 
A vida deveria ter outras leis ou ter alguma lógica! Eu sinto muito! Seu filho merecia estar aqui junto de todos nós. Ele partiu muito cedo e sem aviso, mas já deixou um legado memorável de amor e salvação junto de todos.

Procure sua força e determinação, seu espírito de vitória e continue seu caminho de cabeça levantada. Eu sei que agora é difícil, mas em breve tudo será mais fácil! Tudo estará aceite! Força!