A Dor de Perder um Irmão

Encontradas 29 mensagens de conforto:

Sim, esta é a maior dor que alguma vez experimentei na vida. Perder meu irmão é perder parte da minha vida, é ver desvanecer a felicidade, a alegria de existir.

É triste demais não estar perto dele, abraçá-lo e conversar com ele, sentir seu abraço, escutar sua voz. Meu irmão estará sempre em mim, ele viverá eternamente no meu coração.

Descanse em paz, mano, e olhe por mim se puder. Eu estarei aqui, chorando e orando por você, honrando nosso relacionamento e também seu nome e legado infinito de amor e amizade.

Até um dia, meu irmão.
 
A vida me trouxe a fatalidade de perder um irmão ainda na flor da idade, era muito jovem e não merecia ver a sua vida encurtada dessa forma. Nem nós, aqueles que tanto o amam, mereciam ver o seu sorriso ser apagado das suas vidas.

Não compreendo como tal pode acontecer a alguém tão jovem, sinto uma imensa revolta e uma dor imensa no meu coração, causada por me terem arrancado de lá alguém que eu tanto amo.

Fica um vazio imenso na casa e na vida. Não sei se a mágoa algum dia irá passar, por agora, só consigo chorar esta perda. Descanse em paz, meu tão amado irmão.
É uma dor que eu não conhecia, uma tristeza que não sabia sequer ser possível sentir. Eu perdi meu irmão, ele se foi para jamais regressar e desde esse dia eu choro por dentro e por fora.

Não há infelicidade maior no mundo do que ver partir aqueles que tanto amamos, aqueles por quem daríamos até nossa própria vida. Pelo meu querido irmão eu faria tudo, daria tudo.

Descanse em paz, meu herói, meu eterno amigo. Acredito que estaremos ligados pelo amor, aconteça o que acontecer, hoje, amanhã e sempre. Irei honrar seu nome e recordar tudo que vivemos lado a lado.

Até ao dia do nosso reencontro, irmão.
 
Viveu sem ter tempo para perder, parecia saber que a vida é tão rara que não pode ser desperdiçada com coisas insignificantes.

Infelizmente, meu irmão nos deixou, mas pior do que o ver partir, foi não poder me despedir dele como desejava.

Não lhe pude sequer tocar, nem lhe dar o último abraço. O coração dói por ter que o deixar ir assim, sem poder lhe dizer o último adeus.

Ninguém foge dos planos de Deus, tudo na vida tem o seu propósito. Meu irmão estará agora no Céu junto aos outros anjos como ele e eu sinto uma dor enorme por vê-lo partir assim, sem que nos pudéssemos despedir.
Nunca pensei que chegaria o dia em que deixaria de compartilhar a vida com o meu irmão. Definitivamente, partiu cedo demais e abriu uma ferida enorme no meu coração.

Custa e dói pensar que se foi e que não posso contar mais com a sua alegria e vivacidade.

Ainda tinha tanta vida pela frente. Ficaram tantos sonhos por realizar. Alguns que só ele sabia.

Descanse em paz, querido irmão.
Ainda não consigo acreditar que você se foi, meu irmão, que este seria o dia em que lhe iria dar o último abraço e o último adeus.

Guardo no meu coração todas as memórias da nossa infância, dos tempos em que a nossa única preocupação era brincar e em que ainda nos restava muito tempo para compartilhar as aventuras.

De você, guardo apenas lembranças boas. Talvez seja por isso que o meu coração dói tanto.

Você foi o melhor dos irmãos e deixa para trás a melhor das memórias, assim como, a maior das dores.
Todas as despedidas são difíceis, mas algumas custam mais do que outras. Foi em lágrimas que hoje disse o último adeus ao meu irmão.

Foi particularmente doloroso, pois apesar de ao longo da infância e da adolescência não sermos muito chegados, ao longo dos últimos anos nos fomos aproximando mais e tínhamos agora uma boa relação de amizade fraternal.

O destino quis que nos afastássemos novamente, pode doer, mas sabemos que um dia nos iremos reencontrar.
A tristeza que sinto pela partida do meu irmão é a mais forte que já senti. Tento me despedir, mas parece que me faltam palavras.

Não consigo aceitar que ele se foi, que terei que conviver com esta dor e que nunca mais poderei vê-lo. Choro de tristeza e de saudade.

Meu irmão seguirá vivo em mim, porque as lembranças que compartilhamos seguem vivas no meu coração. Nunca irei me esquecer dele e de tudo que ele significa para mim!
Sinto no meu coração uma dor profunda e muita tristeza. Meu irmão sempre me ensinou muito da vida. Nós dividimos alegrias e momentos inesquecíveis, mas agora só sinto um vazio pela sua partida.

Um pedaço de mim partiu com ele e sei que nunca voltará. Minha vida nunca mais será a mesma sem ter ele para compartilhar os bons e maus momentos.

Que ele descanse em paz.
A morte de meu irmão deixou uma dor no meu coração que nada consegue aliviar, mas o amor que nos unia deixou muitas memórias que nada, nem o tempo, irá apagar.

Há quem venha ao mundo para irradiar o seu brilho e nem a sua morte consegue apagar a luz que refletia em todos nós.

A dor é tão gigante quanto a saudade que sinto, meu amado irmão! Para sempre no meu coração!
Desde que o meu irmão faleceu que a minha vida parece um pesadelo, cheia de dor e de sofrimento.

Não me consigo recordar de um momento da minha vida em que ele não estivesse presente, por isso custa muito imaginar como será daqui para a frente.

Sem dúvida que o futuro será um pouco mais triste e menos luminoso. Não sei se algum dia me habituarei à sua ausência, por agora, só consigo sentir a dor de o terem levado.
Mal tive tempo para conhecer você, meu irmão, e já o levaram de junto de mim para um lugar perto de Deus, junto dos nossos tão amados familiares que também tiveram que partir.

A dor causada pela sua partida parece ter deixado o meu coração dormente, à espera de que alguém diga que não é verdade, que tudo isto é um pesadelo do qual irei acordar.

Até que isso aconteça ou que me faltem as forças, eu vou chorando a sua ausência.
Ainda nem consigo acreditar que o meu irmão nos deixou para sempre. Como é que alguém tão bondoso e generoso teve que partir assim dessa forma tão repentina?

Esta despedida está doendo tanto que quase nem consigo suportar a dor. Parece que me arrancaram algo e que agora ficou um enorme vazio.

O meu luto por ele será eterno, assim como a saudade que sinto!
Só eu sei a dor que sinto por não ter mais você aqui, querido irmão. É uma dor funda, que atravessa o peito para chegar ao coração.

Foi como se tivessem arrancado você de mim e no seu lugar ficasse uma enorme ferida que jamais irá cicatrizar.

Só eu sei como é difícil continuar caminhando quando se está sangrando por dentro.
Desde que Deus levou meu irmão para a sua eterna morada no Céu que parece que tudo ficou diferente.

Para começar, por muito tempo que tenha passado, ainda não me acostumei à sua ausência e todos os dias tenho que lidar com a dor de não o ter aqui.

As lágrimas são constantes, mas, ainda assim, são talvez o que traz um maior alívio à minha dor.

Nada voltou a ser como era. Quando perdi o meu irmão, perdi um dos motivos da minha felicidade. É certo que não era o único, mas era, sem dúvida alguma, dos mais importantes.