Mensagens de Morte

Encontradas 307 mensagens de conforto:

Por mais lágrimas que escorram no meu rosto eu sei que meus olhos jamais irão secar. Você se foi, meu amor, e eu sei que não voltarei a encontrar seu corpo no meu. Vou sentir sua falta todos os dias e em qualquer instante, amor!

Gostaria de ter mais um minuto com você para sentir seu abraço e poder beijar seu rosto nem que fosse pela última vez. Faria tudo, meu bem, para escutar sua voz novamente e sentir uma vez mais felicidade no meu coração.

Eu prometo que por mais difícil que seja conviver com o dia a dia sem você eu vou ser feliz por nós dois. E juro que nosso amor vai resistir à saudade, à distância; à morte. Descanse em paz, meu bem. Até um dia.
Você ficará para sempre no meu coração
Viverás no meu coração, marido
Custa muito ter que abrir mão de alguém especial e deixar que ele parta definitivamente da nossa vida, mas infelizmente a morte é uma ameaça constante e quando resolve impôr sua vontade não há nada que possamos fazer.

Hoje digo adeus a um ser humano maravilhoso que me marcou pela generosidade do seu coração. Nunca esquecerei os momentos que vivemos e tudo que aprendi com você. Descanse em paz!
Um amor que nem a morte pode apagar
Recordarei nosso amor e felicidade
Nada no mundo nos prepara para o momento que temos que lidar com a morte de alguém que amamos.
Meu coração chora pela minha prima
A morte nunca é o fim, mas sim o começo de algo maior do que a vida. É assim que imagino a despedida deste mundo. Não consigo imaginar as coisas de outra forma e se tentar vou sentir desconfiança.

A ideia de ir embora já é tão triste e cinzenta que não devemos procurar soluções ou explicações mais difíceis para o adeus a quem amamos. É complicado, dói muito, mas temos de arrumar um jeito de encarar de frente a dura realidade da existência.

É por isso que a lição mais importante que a morte nos oferece é o amor. É a urgência de amar enquanto podemos; celebrar a vida enquanto respiramos. Vamos aproveitar todos os instantes neste mundo, porque logo logo um outro aparece para começar de novo uma outra aventura.
Ninguém pode controlar a morte e é por isso que devemos dar cada vez mais foco à vida!
A morte não dá alerta nem aviso e só lhe pede que viva cada instante como se fosse o último.
Não tenho medo da morte, mas sim pavor de perder tempo na vida com algo que não controlo.
Quero acreditar que a morte é a imortalização da paz e que quando a conhecemos desperta em nós uma sensação de leveza sem precedentes.
A morte é a fatalidade maior da vida e deve ser encarada como a última grande experiência da nossa existência neste mundo!
Temos de ser fortes porque quando a morte leva aqueles que amamos parece que perdemos o chão, o rumo e a vontade de viver.
Já que não podemos vencer a morte, devemos fazer dela uma lição para nossas vidas. Porque a morte nos deve lembrar que não vale a pena perdermos tempo com invejas e intrigas, com maldades e mentiras, nem vale a pena perdermos nossa paz e bem-estar com pessoas que não o merecem.

A morte é cruel e surge repentinamente, quando menos esperamos, e não existe nada pior que a consciência que podíamos ter feito tudo de um jeito diferente. Não devemos adiar o que deve ser feito agora, nem devemos abdicar de fazermos as escolhas que são da nossa responsabilidade. Vamos viver a vida de uma forma que valha realmente a pena, que nos traga felicidade e faça igualmente bem às pessoas que amamos.
Eu não me preocupo com a morte, porque na hora que eu me for, certamente não irei me recordar da vida que termina nem da morte que começa. A preocupação maior é o agora, e o agora é a vida.

Acredito que a morte é um momento, um pequeno instante de transição para outro novo lugar! É uma experiência ímpar, talvez a última, talvez a maior de todas.

É exatamente por ser uma experiência tão grande e importante que a devemos respeitar e viver com a maior serenidade possível. Encarar a morte com normalidade é difícil, mas é o caminho certo.
 
Nunca estamos preparados para nos despedir para sempre de alguém, mesmo sabendo que faz parte da vida, quando a hora chega, nunca conseguimos pronunciar as últimas palavras, o último adeus.

Quando alguém é especial para nós, fica um vazio no coração e não conseguimos reunir as forças necessárias para lhe dizer o quanto essa pessoa nos era querida e que a falta que nos faz é enorme.

Você partiu. Não importa o quanto era especial para mim, você não está mais aqui e enquanto choro a sua morte, reúno as poucas forças que tenho para também celebrar a vida de alguém que por quem sempre nutri um carinho especial.

Paz à sua alma!
Quem sempre foi importante e parte de repente da nossa vida, deixa uma grande saudade e um vazio no coração. Pior ainda, se essa pessoa vai embora com uma despedida amarga, em um silêncio absoluto causado pela sua morte.

É esse sentimento triste que tem manchado meus dias, por mais que tente seguir em frente. A toda hora surge uma vontade incontrolável de voltar a abraçar esse alguém que ainda amo e recuperar todo tempo perdido. A saudade é mesmo a maior prova de que ninguém parte definitivamente enquanto estiver preso ao nosso coração.
Todos sabem que a morte faz parte da vida, mas infelizmente, isso não faz com que seja menos triste.

É sempre difícil perder alguém. Hoje em dia, sinto muita falta de sentir a presença desta pessoa especial e ouvir seus conselhos.

Tenho tentado seguir em frente e ser mais forte, mas nem sempre é tão simples esquecer alguém que era tão importante para mim.

Minha saudade será eterna!